Wtt da Tunísia já sem portugueses

Tem vindo a ser disputada em Tunis, mais uma etapa do Wtt, que contou com a presença de quatro portugueses: Marcos Freitas, João Geraldo, João Monteiro e Jieni Shao, todos eles com entrada direta no quadro final.

Ontem na ronda de 32, três deles ficaram pelo caminho, com João Monteiro a ceder perante o chinês Lin Gaoyuan, com quem perdeu por 3:1 (-9,7,-6,-6); João Geraldo, a não conseguir ultrapassar o sueco Kristian Karlsson, com quem perdeu por 3:1 (-9,-7,8,-4) e Jieni Shao, a soçobrar diante da chinesa, Zhang Rui, por igual score (-4,-8,7,-8). A exceção a esta tendência foi dada por Marcos Freitas, que bateu o jovem francês, Jules Rolland, por 3:2.

Já hoje, nos “oitavos”, Marcos Freitas, não conseguiu contrariar os argumentos apresentados pelo coreano do sul, Jang Woojin, e acabou afastado da competição, com uma derrota por 3:0 (-6,-5,-9).

 

O Ténis de Mesa, é uma modalidade desportiva individual sem contato físico, classificada pela Direção Geral de Saúde, no grupo de “baixo risco”, no âmbito da estratificação de risco da pandemia de SARS-Cov 2 (orientação n.º 36. da DGS, de 25 de agosto de 2020).

Prática competitiva e em contexto de treino, na observância das orientações da Direção Geral de Saúde, n.º 14, 30 e 36.

Menu